Análise Tática #4 – O melhor ataque da liga e um desastre chamado Mariota

05/out/16


Matt Ryan & Julio Jones

A vitória por 48 a 33 do Atlanta Falcons contra o Carolina Panthers foi marcada por duas performances histórias. O QB Matt Ryan e o WR Julio Jones quebraram os recordes da franquia de jardas passadas (503) e de jardas recebidas (300). Foi a primeira vez na história da NFL que um QB lançou mais de 500 jardas e que um WR recebeu pelo menos 300 jardas em um mesmo jogo. Julio ainda entrou para o livro de recordes da liga ao se tornar apenas o sexto WR a ter um jogo de 300 jardas.

A performance do ataque do Falcons foi espetacular, porém foi construída também devido à incapacidade da defesa do Carolina Panthers, que deixou de ser uma unidade sólida, fundamental para levar o time ao Super Bowl do ano passado, para se tornar o grande problema, especialmente contra o passe.

A seguir, analisaremos duas jogadas que evidenciam tanto os méritos do ataque dos Falcons quanto as dificuldades da defesa do Panthers.

Austin Hooper (QUEM?) completamente livre para o TD:

Apesar de ter lançado 300 jardas apenas para Julio Jones, Matt Ryan tem se mostrado extremamente confortável distribuindo a bola para os mais diversos alvos. Nessa jogada, por exemplo, foi o TE Austin Cooper (81) que ajudou a construir as histórias 503 jardas passadas de Ryan.

ryan1

O Falcons optou por um play action para o RB Devonta Freeman com Matt Ryan se deslocando em um rollout para o lado direito. Os LBs do Panthers (no círculo) morderam a isca e foram para a marcação do jogo corrido, o que foi chave para o sucesso da jogada.

ryan2

Além dos LBs não terem percebido que se tratava de play action, toda a secundária do Panthers se movimentou em direção ao lado direito do ataque para marcar os recebedores que tinham rotas cruzando o campo. Enquanto isso, não havia um jogador do Panthers a pelo menos 24,3 KM de Matt Ryan.

ryan3

O rookie TE Austin Hooper também ficou completamente sozinho para receber seu quarto passe na temporada e anotar o TD mais fácil que terá em sua carreira.

ryan4 

Julio Jones, TD de 75 jardas, sem muito esforço:

Julio Jones atingiu a marca de 300 jardas recebidas no último quarto da partida, quando recebeu um passe de 75 jardas para o touchdown. Em formação em I, o Falcons novamente usou play action. E os LBs do Panthers novamente morderam a isca.

julio1

Todos os LBs do Panthers estão próximos à linha de scrimmage para evitar o avanço terrestre. Isso deixou os dois WRs do Falcons em marcação individual, com apenas um safety em profundidade. Julio Jones, na parte de baixo da tela, tinha rota cruzando o campo.

julio2

Quando recebeu o passe, Julio precisou apenas usar sua velocidade para bater o CB e se livrar do S, que estava muito distante para poder fazer algo.

julio3

Um desastre chamado Marcus Mariota:

Marcus Mariota, QB segundo anista do Tennessee Titans, tem sido uma das grandes decepções da temporada. Mariota, que tinha mostrado flashes de brilhantismo antes de se machucar na temporada passada, não está conseguindo mostrar evolução em 2016: em quatro jogos foram apenas 4 TDs, 5 INT e um rating de 73,9, apenas o número 39 da liga.

Os péssimos números foram construídos em jogadas como a da imagem abaixo. Mariota fez play action para o RB Derrick Henry enquanto os dois recebedores tinham rotas comeback em profundidade. Henry também seria opção para o passe curto.

mariota1

Com a jogada em andamento, Mariota não tinha nenhum dos alvos livres e precisou correr para seu lado esquerdo para se livrar da pressão que vinha atrás.

mariota2

Em movimento, Mariota conseguiu encontrar o TE Delanie Walker, que conseguiu se livrar do marcador. Se tivesse optado por continuar correndo com a bola, teoricamente um de seus pontos fortes, o QB do Titans poderia ter conquistado por volta de 5 jardas.

mariota3

Como teve que lançar contra o movimento do corpo, o passe não foi na direção do recebedor.

mariota4

A jogada acabou em uma interceptação muito fácil do safety do Houston Texans.

mariota5 

 

Tags: , , , ,

COMPARTILHE